quarta-feira, 10 de novembro de 2010

MARAVILHOSA ENTREVISTA COM O ECONOMISTA JOÃO PEDRO STÉDILE

Eu tive a oportunidade de assistir duas palestras com o economista e líder do MST João Pedro Stédile. Uma vez no Rio de Janeiro no evento chamado "Trubunal da Dívida Externa" e outra vez em Maringá em um evento sobre agroecologia.

Hoje de manhã tive o prazer de ter uma aula de economia política com o referido economista no site viomundo.com.br do jornalista Luis Carlos Azenha. Ele explicou a questão agroecológica, a polêmica sobre a reforma agrária, a concentração de terras, o papel dos movimentos sociais, o reconhecimento dos grandes pesquisadores das universidades, os trangênicos, a manipulação da mídia, discutiu temas econômicos e trabalhistas e demonstrou ser um profundo conhecedor de todas as partes do Brasil, apresentando várias alternativas produtivas agrícolas sem uso de agrotóxicos e principalmente demonstrou como a sociedade pode se defender da avalanche de agrotóxicos via justiça. Para os meus internautas recomendo ouvir a entrevista que é imperdível e para meus aluninhos de economia política vou utilizar na avaliação do 4º bimestre por se tratar de economia política na sua essência. CLIQUE AQUI para ouvir as partes da entrevista.

Um comentário:

  1. Rubens Veiga - Formado em Economia em 200910 de novembro de 2010 16:00

    Isso sim é tortura para os alunos, ter que ver o que um cara que só prega a destruição e bagunça no campo. Me diz uma coisa ele explicou porque invadiram aquela fazenda com aquele trator e foram destruindo aqueles pés de laranja??

    ResponderExcluir

LEIA COM ATENÇÃO!

Este espaço é para você fazer o seu comentário sobre a postagem ou mesmo sobre o blog como um todo. Serão publicados todos os comentários a favor ou contra, desde que não contenham textos ofensivos.
Os comentários serão publicados até 24 horas após o envio.

Se você NÃO quiser se identificar, marque o seu perfil como ANÔNIMO e envie. Se você QUISER se identificar, marque o seu perfil como NOME/URL, escreva o seu nome no campo NOME e deixe o URL em branco e envie.