terça-feira, 1 de junho de 2010

COMENTÁRIOS ACADÊMICOS

Pedi aos meus alunos do 2º de economia - disciplina economia política - para que escrevessem um texto com comentários sobre o primeiro bimestre. Alguns textos ficaram bem interessantes outros menos, mas vou publicar todos com o passar dos dias de forma aleatória, para que seja bem democrático.

ACADÊMICO: LEO FRANCO GALVÃO

No decorrer do 1º bimestre foi discutido assuntos os quais para mim eram desconhecidos, como o caso de se distinguir indivíduos de esquerda e de direita, considerando que eu não tenho grande interesse em política, mas que a partir dessas discussões passou a ser mais interessante, pois essas questões políticas para nós acadêmicos deve ser acompanhadas, pois são de grande valia para nossa formação, não só acadêmica, mas pessoal e profissional.

Discutimos também assuntos como economia política a qual nomeia esta matéria e economia pura ou ciência econômica, que por sua vez tem como objeto de estudo a produção, o produto advindo da mesma, os meios empregados, ou seja tudo que está ligado a circulação de capital relacionado com o cotidiano humano, considerando que as ciências econômicas é uma ciência social aplicada e que tem grande relevância em nosso meio.

Citado também a questão da economia política que se refere a todas as coisas provinientes do trabalho, investimento e demais atividades humanas no meio social, com intervenção do governo, dos blocos econômicos, partidos etc.

Outro ponto bastante interessante foi a citação do professor Carlos Lessa, dizendo que para cada indivíduo a economia é classificada e avaliada de um modo distinto usando um exemplo bastante comum, mas que ao seu modo de usar o tornou irreverente e que prende a atenção pelo modo de cada um trabalha-lo, dessa forma trouxe para nosso dia a dia que cada um tem uma forma de pensar e analisar dado fato.

Sendo assim, dentre vários assuntos abordados esses foram os que mais me chamaram atenção, lembrando que todos os assuntos tem sua importância e relevância, e que como a economia para cada um estes assuntos são analisados e classificados com importância e relevância distinta dos demais.

ACADÊMICA: LUANA BUFALO

Com os textos, aprendi o que é de direita e esquerda em vários assuntos, que elas se contrapõe, que a esquerda é mais para um lado coletivo ou pensa no coletivo e que a direita pensa mais no individual. Posso dizer que tento ser meia esquerda, pois, devo pensar no coletivo sim, mas também devo pensar em mim, em minhas necessidades e ajudar os outros também, ou seja, me posicionar quanto direita e esquerda, me ajudou a expandir meus conhecimentos.

As eleições estão chegando e saber o que é direita e esquerda ajuda muito, pois um candidato de esquerda, vai pensar em igualdade social, ou pelo menos trazer um pouco mais de igualdade como fez o Lula. Já um de direita vai pensar mais em enriquecer a nação, sem pensar muito em igualdade social.

Isso tudo me fez ter um pensamento mais claro sobre os meus ideais.

Pensar em um mundo mais competitivo ou em um mundo mais igual? Seria fácil responder se pensasse somente em mim, ou somente nos outros, por isso, usa-se a dialética como meio de transformação de idéias onde as posições certas de um com as do outro forma uma idéia melhor, ou um pouco mais certa, pena que não podemos junta Dilma e Serra.

ACADÊMICO: FERNANDO MAGIROSKI

Considerando o que foi estudado no 1º bimestre, onde foi estudado sobre as políticas de direita e esquerda pude perceber que eu sou uma pessoa de direita, pois apoio os atuais candidatos e seus projetos para a melhoria do país. Mas apesar de ser de direita muitas vezes acabam fazendo críticas sobre algumas opiniões e sobre como é alguém de esquerda.

As pessoas de esquerda sempre tentarão eliminar as desigualdades sociais apesar das grandes barreiras. E as pessoas de direita sempre usam o argumento que as desigualdades são naturais e não podem as eliminar.

E que todo partido teoricamente que ter uma ideologia que um propósito de sua existência e que deve adotar um política de esquerda ou de direita para que esses propósitos se concretizem.

Pude aprender que as tendências são várias opiniões de um determinado assunto, que um grupo de pessoas estão argumentando, apesar das diversas opiniões.

E que a ciência econômica é ortodoxa estuda todos os fenômenos relacionados a escassez está diretamente relacionado com a opção do homem. E que a economia política é heterodoxa está relacionado, no estudo ds leis sociais que regem o processo de produção e as finanças da economia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA COM ATENÇÃO!

Este espaço é para você fazer o seu comentário sobre a postagem ou mesmo sobre o blog como um todo. Serão publicados todos os comentários a favor ou contra, desde que não contenham textos ofensivos.
Os comentários serão publicados até 24 horas após o envio.

Se você NÃO quiser se identificar, marque o seu perfil como ANÔNIMO e envie. Se você QUISER se identificar, marque o seu perfil como NOME/URL, escreva o seu nome no campo NOME e deixe o URL em branco e envie.

Postar um comentário