terça-feira, 23 de setembro de 2008

13,8 MILHÕES DE BRASILEIROS SUBIRAM DE FAIXA SOCIAL NA DÉCADA, DIZ IPEA

Estudo do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) divulgada esta semana e noticiada na imprensa nacional, indica que 13,8 milhões de brasileiros subiram de faixa social entre 2001 e 2007. Os dados foram definidos a partir dos números da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) de 2007, divulgada na semana passada. O que mais chamou a atenção foi a movimentação de pessoas do nível mais baixo para estratos mais elevados. A movimentação deles, superou o crescimento da economia e passou a ter mobilidade social ascendente que não se via desde os anos 80", afirmou o pesquisador Ricardo Amorim.

Amorim explicou que o crescimento da economia e os programas de transferência de renda fomentaram a emersão das pessoas das classes mais baixas. Clique aqui para maiores detalhes.A desigualdade social no Brasil vem diminuindo consistentemente nos últimos anos graças ao crescimento da economia e é claro dos programas de redistribuição de renda principalmente o Bolsa Família.
Ao contrário do que, se possa pensar, as transferências de renda (BPC Benefício de Prestação Continuada e Bolsa Família) já foram cientificamente comprovadas como redutores de desigualdade. De acordo com o artigo “Programas de Transferência de Renda no Brasil: Impactos sobre a desigualdade dos autores F. Soares, S. Soares, M. Medeiros e R. Osório estes dois programas juntos contribuíram com 28% da redução da desigualdade ocorrida entre 1995 e 2004, ou seja, 7% BPC e 21% Bolsa Família.

É claro que o Programa Bolsa Família não é a solução ideal e é preciso que se crie alternativas para que os seus beneficiários possam ter um espaço na produção do país, mas o Estado deve direcionar para o crescimento econômico não seja concentrador de renda como na época do “milagre econômico” que beneficiou uma pequena parcela da população.

Tenho insistido que o Programa Bolsa Família contribuiu para a redução da desigualdade no Brasil de duas formas: a primeira de forma direta, pois a simples transferência de recursos já é diminuição da desigualdade. A segunda é que de forma indireta, este programa propiciou com certeza aumento de empregos e melhoria de vida para outras pessoas, pois como os beneficiários não comem dinheiro, os R$ 10 bilhões todo ano, movimentam indústria e comércio no fornecimento dos produtos por eles consumidos pelo Brasil causando efeito multiplicador de renda na economia gerando emprego e renda.

6 comentários:

  1. Sem duvida alguma, os programas de transferência de renda aliados ao crscimento consideravel da economia nos ultimos anos, contribuiram muito para a diminuição da desigualdade social no Brasil.
    Graças a essa iniciativa do governo Lula muitas pessoas melhoraram seu padrão de vida, e apesar das inumeras criticas que esses programas tem recebido, as pesquisas tem comprovado o resultado positivo desse tipo de programa.
    Luciana Cardoso.
    LU-RIBEIROLU-RIBEIRO@HOTMAIL.COM

    ResponderExcluir
  2. O fato de milhôes de brasileros subirem de faixa social se deve ao aumento de renda do brasileiro.
    Nos ultimos anos o aumento de empregos e o acesso mais facil a escolas proficionalizantes, técnicas e a universidades contribuiu com o aumento de pessoas com melhor qualificaçao no mercado de trabalho, gerando aumento na renda.
    os programas sociais do governo também contribuiram, pois atraves deles muitas pessoas sairam da pobreza e tiveram melhor acesso a educação.

    ResponderExcluir
  3. O fato de milhôes de brasileros subirem de faixa social se deve ao aumento de renda do brasileiro.
    Nos ultimos anos o aumento de empregos e o acesso mais facil a escolas proficionalizantes, técnicas e a universidades contribuiu com o aumento de pessoas com melhor qualificaçao no mercado de trabalho, gerando aumento na renda.
    os programas sociais do governo também contribuiram, pois atraves deles muitas pessoas sairam da pobreza e tiveram melhor acesso a educação.

    Rafael Gannam Soto

    rafaelg.soto@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. Bruno Monção 2° ano5 de outubro de 2008 15:10

    O plano de governo criado pelo presidente LULA e sua equipe, tem sido importante para a Economia brasileira, pois o aumento no nível de vida das familias brasileiras, tem aumentado constantemente. Isso significa que o país tem tudo para alcançar o desenvolvimento, não podemos deixar de criar novos planos na aréa da Educação e da Saúde que deverá melhorar em escala maior.Esses dados é motivo de orgulho, para um pais que tinha uma economia pouco estabilizada, hoje esta passando por um momento de tranquilidade.
    O principal projeto de governo do presidente LULA, é o “Bolsa Família”, que tem contribuido e muito para que seja feito uma melhor distribuição de renda no país, fazendo com que muitas famílias deixem a classe de miséria passando para a classe média.

    ResponderExcluir
  5. Talvez esse tipo de programa não seja a melhor alternativa para acabar com a pobreza do país, mas sem dúvida é o "ponta pé" inicial.
    Os resultados desses programas do governo estão sendo muito positivos, graças a eles a economia vem crescendo como um todo, muitas pessoas estão tendo o poder de compra e estão fazendo a economia girar, é disso que o nosso país precisa, crescer, somente assim as desigualdades serão diminuídas e nós poderemos nos desenvolver com mais segurança.

    ResponderExcluir
  6. Eva Pinheiro - (2 º Ano de Ciências Econômicas)17 de outubro de 2008 11:33

    Não se pode negar que o Presidente Lula é possuidor de imenso carisma e brilho próprio, além de ter uma grande vontade política, e também, tem sido muito competente na administração do nosso país. É evidente que os programas sociais e de redistribuição de renda são positivos e beneficiarão a curto e longo prazo a população que mais necessita de atenção por parte dos governantes; mas foi justamente pra isso que essas pessoas depositaram suas esperanças nele quando o elegeram, pois estamos sempre na busca de um governo que realmente melhore as estruturas econômicas e sociais do nosso meio.

    ResponderExcluir

LEIA COM ATENÇÃO!

Este espaço é para você fazer o seu comentário sobre a postagem ou mesmo sobre o blog como um todo. Serão publicados todos os comentários a favor ou contra, desde que não contenham textos ofensivos.
Os comentários serão publicados até 24 horas após o envio.

Se você NÃO quiser se identificar, marque o seu perfil como ANÔNIMO e envie. Se você QUISER se identificar, marque o seu perfil como NOME/URL, escreva o seu nome no campo NOME e deixe o URL em branco e envie.